RUA 7 DE SETEMBRO, SÃO ROBERTO-MA

04/06/2017

Valério: “Ronan ia entregar Lula como mentor do assassinato”


Preso, operador do mensalão diz que empresário ia denunciar o ex-presidente no caso Celso Daniel se não recebesse 6 milhões de reais

Em setembro de 2012, o publicitário Marcos Valério prestou depoimento ao Ministério Público Federal e revelou que  foi informado em 2004 pelo secretário-geral do PT, Silvio José Pereira, que o presidente Lula estava sendo chantageado. A conversa entre os dois ocorreu dois anos após o assassinato do prefeito de Santo André, Celso Daniel. O publicitário disse que o empresário Ronan Maria Pinto exigia 6 milhões de reais para não divulgar informações relacionadas ao caso Santo André, envolvendo o presidente Lula, o ex-ministro José Dirceu e o então assessor particular Gilberto Carvalho.
Marcos Valério diz agora que quer  esclarecer todos detalhes da chantagem. Pelo menos foi o que ele garantiu à deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), que colheu um longo depoimento do publicitário: “O Valério me disse que Ronan ia apontar  o ex-presidente Lula como mentor do assassinato do Celso Daniel”, disse a deputada. Segundo ela, Valério garantiu ter as provas da chantagem.
Valério: o publicitário decidiu revelar os segredos do Caso Santo André (Vara Federal de Curitiba/Reprodução)
A primeira conversa de Valério com a deputada foi no dia 11 de outubro. Ela foi ao presídio atender às reivindicações de presos portadores de necessidades especiais e encontrou o publicitário em uma das celas. No ano passado, Mara, que é filha de um empresário que foi extorquido pela quadrilha que atuava na Prefeitura de Santo André,  tinha entregado ao juiz Sérgio Moro um dossiê sobre o assassinato.  No dia 3 de abril, Mara enviou um ofício ao procurador de Justiça de São Paulo, Gianpaolo Smanio, narrando as conversas com o publicitário e pedindo andamento às investigações do crime.
“Ele (Valério) deixou muito claro que o senhor Ronan Maria Pinto ia entregar o senhor Luiz Inácio Lula da Silva para a polícia como mentor do assassinato do prefeito Celso Daniel”, escreveu a deputada. Para ela, o depoimento de Valério pode ajudar a desvendar o crime.
Mara Gabrilli: duas conversas com Valério na cela
Deputada Mara Gabrilli: duas conversas com Valério na cela (Gustavo Lima/Câmara dos Deputados)
Valério já vem negociando sua delação premiada com três promotores de Minas Gerais e dois procuradores da República. O publicitário disse que o ex-prefeito, pouco antes do assassinato, ia entregar um dossiê para a Polícia Federal e para o presidente Lula, envolvendo petistas com o crime organizado. Após o envio do ofício da deputada ao procurador de Justiça de São Paulo, dois promotores foram visitá-lo. O  publicitário quer depor  somente à Polícia Federal.
Perguntado sobre a acusação, Ronan, por intermédio de seu advogado, informou que jamais chantageou quem quer que seja.   A  assessoria do ex-presidente Lula não comentou.

CONTRA OS JOVENS

Aloysio Nunes chama jovens do PSDB de “cabeças de vento”

Juventude transviada

Pouco diplomático, Aloysio Nunes vem chamando os “cabeças pretas” do PSDB (os deputados mais jovens da legenda) de “cabeças de vento”. Essa ala defende o abandono do governo.

Ouro, cidadão de São Roberto do Maranhão?

Ouro... cadê você, ,meu amigo ???

O blog do Carlinhos pergunta aos seus leitores da região circunvizinha a Esperantinópolis: por onde andará o ex vice-prefeito e ex-candidato a prefeito de São Roberto, o nosso amigo Ouro Nava?

Ele anda muito calado, não tem aparecido no noticiário, nos blogs da região, nas redes sociais depois da malsucedida caminhada nas últimas eleições municipais. O sumiço dele tem dado o que falar...

Eu fui atrás de noticias sobre Ouro e me disseram que ele se recolheu das mídias, das redes sociais, até da política para cuidar dos negócios, de suas propriedades, para  enfrentar as adversidades que surgiram depois da campanha sem êxito. Ele tá certíssimo!!!


“Ouro está cuidando da vida dele, saiu meio cambaleante da campanha,  mas pense num homem forte, decidido e pense num político que está de bem com o povo! Depois de seis meses de governo de seu adversário comunista, Ouro está muito valorizado pelo povo são-robertense. Ele anda pelas ruas da cidade de cara erguida e, costumeiramente, é abraçado pelo povo. Ele não precisa de mídia para adentrar nos corações de seus conterrâneos, basta continuar trabalhando e servindo de exemplo que o momento dele vai chegar e vai chegar logo”, contou-me um observador da política local. 

Morre José Clarindo ( Zeza)

Morre nesta manhã em São Roberto Jose Clarindo da Silva,por volta das 10;00 Deixa 13 filhos 8 mulheres e 5 homens e esposa e 27 netos e 1...