RUA 7 DE SETEMBRO, SÃO ROBERTO-MA

30/03/2017

OSSOS MAIS FORTE QUE GRANITO

O homem que tem ossos mais fortes que o granito

Tim
Image captionTudo começou com um episódio de paralisia facial
"Eu tenho uma aparência diferente, sim", admite Tim. Isso porque ele guarda consigo um segredo: "Tenho ossos superfortes", diz.
Tim tem uma condição que faz com que seus ossos sejam 150% mais densos que o granito. A doença só foi descoberta quando ele tinha por volta de dois anos de idade - tudo começou com um episódio de paralisia facial.
"Meu pai conta que um dia eu entrei no carro sorrindo, mas só com metade do rosto. Eles pensaram que eu estava brincando", conta.
Mas a paralisia nunca desapareceu.

Amadurecimento dos ossos

Tim
Image captionA doença de Tim contribuiu para que o tratamento de outra doença, mais comum, fosse desenvolvido
O esqueleto é uma das partes do nosso organismo que mais demoram a se desenvolver até chegar à fase adulta.
Ao nascer, nossos ossos estão muito distantes da fase madura. Com o tempo, o corpo passa por um processo de ossificação, por meio do qual a cartilagem vira osso.
Para a maioria de nós, esse processo está completo quando chegamos aos 25 anos de idade, segundo a médica Gabriel Weston, apresentadora da série de TV Incredible Medicine: Doctor Weston's Casebook ("Medicina incrível: a coletânea de casos do Dr. Weston"), da BBC.
Mas para algumas pessoas, como Tim, esse processo acabou distorcido. E esse estranho caso pode ajudar os médicos a encontrar respostas para outros males mais comuns.

Pressão sobre o cérebro

Tim, em uma foto da sua adolescência
Image captionTim teve de passar por operação no crânio para aliviar a pressão sobre o cérebro
Os médicos fizeram radiografias e concluíram que Tim tinha uma doença extremamente rara, que só atinge outras 50 pessoas em todo o mundo.
"Eu tenho esclerosteose, uma condição caracterizada por ter uma densidade óssea excessiva", diz.
Ainda que não pareça algo necessariamente ruim, essa doença colocou a vida de Tim em perigo.
Quando pequeno, seu crânio começou a crescer com tamanha espessura que passou a pressionar seu cérebro e nervos cranianos.
Essa pressão intracraniana pode causar paralisia facial e até a morte. Para aliviá-la, os médicos tiveram que cortar o crânio, tirar uma parte do osso, lixá-lo e colocá-lo de volta, explica Tim à BBC.
Assim, "imediatamente há mais espaço para o cérebro".

Sem cura

Os médicos poderiam tratar Tim para aliviar os sintomas causados pelo excesso de osso, mas nada explicaria por que eles cresciam mais do que o normal em seu corpo.
Sua condição é tão rara que foi alvo de inúmeras investigações médicas.
Mas o caso também chamou atenção de cientistas que estudam um problema ósseo muito mais comum: a osteoporose.
É como se a doença estivesse no extremo oposto do que acontece com Tim: é a perda da densidade dos ossos, que deixa as pessoas mais frágeis.
Alastair Henry
Image captionMédicos como Alastair Henry investigaram por anos a doença que afeta Tim
O médico Alastair Henry é um biólogo que faz parte de uma equipe que investiga a osteoporose.
Em um paciente com esclerosteose como Tim, explica, "a arquitetura, a estrutura tridimensional dos ossos é normal, mas muito mais densa".
Seu time tenta entender o que faz com que pessoas como ele desenvolvam ossos tão fortes.
Depois de examinar os genes conhecidos por controlar o crescimento dos ossos, eles descobriram um erro em um gene específico chamado SOST, que estimula a produção de uma proteína chamada esclerostina.
Essa substância é responsável por avisar ao osso quando ele deve parar de crescer. No corpo de Tim, ela não funciona.
"Os pacientes com esclerosteose que tem uma mutação no gene SOST nunca produzem esclerostina", explica Henry.
Sem essa proteína, o corpo de Tim não sabe quando deve interromper o crescimento do osso, e assim ele continua sendo produzido.

Uma ideia e uma viagem ao espaço

Essa particularidade deu a Henry e sua equipe uma ideia para uma nova possibilidade para tratar a osteoporose.
"Quando identificamos que a esclerostina é a proteína que controla a densidade do osso, o que queríamos fazer é neutralizar seu efeito. Se conseguirmos, estaríamos deixando de frear o processo de construção contínua de osso", disse Henry.
Com esse propósito, sua equipe trabalhou durante vários anos no desenvolvimento de um novo tratamento para tratar a osteoporose.
E quando chegou a hora de colocá-la em prova, foi apresentada aos médicos uma oportunidade única.
Tim
Image captionAgora Tim sabe mais sobre sua doença
Em 2010, o ônibus espacial Atlantis partiu com quatro astronautas a bordo - eles podem perder até 30% de sua densidade óssea durante uma estadia de seis meses no espaço.
E a Nasa, a agência espacial americana, tinha interesse em explorar como deter essa perda.
Assim, concordou em levar a bordo alguns pequenos passageiros adicionais: 12 ratos.
Metade deles recebeu uma versão do novo tratamento e, depois de 13 dias, a densidade de seus ossos havia aumentado. Enquanto isso, os ossos dos outros seis ratos ficaram debilitados, um indício de que o tratamento funcionou com os roedores.
No momento, os cientistas estão testando o tratamento com humanos em clínicas.
Agora, Tim tem mais respostas sobre sua doença e os milhões de pessoas que sofrem de osteoporose podem ter esperança nesse novo tratamento.
"É realmente incrível e para mim é uma notícia fantástica. Isso faz com que tudo que passamos, todas as operações, tudo que meus pais sofreram, tenha valido a pena", diz ele.

OS MAIS POPULARES DO BRASIL

Popularidade de membros do Judiciário supera a de políticos tradicionais, aponta pesquisa


Sergio Moro, Cármen Lúcia e Joaquim BarbosaDireito de imagemREUTERS | STF | GETTY
Image captionJuízes com destaque na imprensa nos últimos anos têm maiores índices de aprovação do que políticos em lista apresentada a entrevistados

A crise de confiança nas instituições e nos partidos políticos, precipitada nos últimos anos por protestos e pela Operação Lava Jato, fez com que juízes como Sergio Moro, Joaquim Barbosa e Cármem Lúcia e o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, tenham índice de aprovação mais elevado do que políticos tradicionais e novos no cenário nacional.
É o que mostra a nova edição do Barômetro Político, pesquisa da consultoria Ipsos antecipada à BBC Brasil. O levantamento, feito na primeira quinzena de março nas cinco regiões do país, perguntou a 1.200 pessoas sua opinião sobre 26 personalidades do mundo político e jurídico.
Moro e Barbosa aparecem na lista desde 2015, e têm, há alguns meses, os maiores índices de aprovação na opinião pública. Na pesquisa mais recente, ficam em 63% e 51%, muito à frente de Lula, o terceiro com maior aprovação.
Janot tem índice de aprovação de 18%, mais alto do que o do presidente Michel Temer (17%), o do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (16%), e o do líder do PSDB, Aécio Neves (11%).
A ministra Cármem Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal e inserida na pesquisa apenas em fevereiro, já aparece com 26% de aprovação, à frente de Fernando Henrique Cardoso, Dilma Rousseff e Marina Silva (todos 23%).
A pesquisa também quantifica, no entanto, o índice de pessoas que dizem não conhecer suficientemente bem os políticos e juristas para opinar sobre eles.
Neste quesito, a ministra é desconhecida de 36% dos entrevistados - bem mais do que os ex-presidentes e presidenciáveis, mas menos do que o prefeito de São Paulo, João Doria (39% dizem não conhecê-lo), e do que o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (37%).
"Confesso que fiquei surpreso quando vi os indicadores de Cármem Lúcia, porque normalmente acontece de esse tipo de personalidade ser muito mais desconhecida do que a soma dos indicadores de aprovação e rejeição. E ainda que seja pouco conhecida, ela consegue ter uma aprovação relevante. Isso é fruto da presença dela na mídia nos últimos meses, de como tem se posicionado", avalia Danilo Cersosimo, diretor da Ipsos Public Affairs e responsável pela pesquisa.
"Para Moro, Barbosa e Janot a explicação é simples: Barbosa tem associação com o mensalão e Moro e Janot, com a Lava Jato. Todos eles têm ficado no mesmo patamar alto de aprovação nos últimos meses. A classe política tradicional está completamente desprestigiada. Por isso os atores jurídicos são mais bem avaliados."
A descrença no futuro do país também se reflete na pergunta sobre o Brasil estaria no rumo certo ou errado - 90% dos entrevistados se mostraram pessimistas. Em janeiro de 2015, logo após as eleições, 65% achavam que o país estava no caminho certo.

Joao DoriaDireito de imagemREUTERS
Image captionDoria precisa transformar discurso de "bom gestor" em apoio nacional se quiser cargos mais altos, diz Danilo Cersosimo

Doria e Bolsonaro

Há três meses à frente da prefeitura de São Paulo, João Doria já se envolveu em diversas polêmicas, mas aparece no Barômetro com o menor índice de rejeição entre os políticos, 45%, e 16% de aprovação.
"Ele tem resultados relevantes, considerando que está pouco tempo como prefeito, mas os próximos meses serão muito importantes nesse processo de construção de imagem se ele pretende postular cargos mais altos", afirma Cersosimo.
"O desafio de Doria é transformar o alto índice de pessoas que ainda não o conhecem bem em aprovação."
Para o analista, o bom resultado do prefeito representa o crescimento do discurso do "bom gestor", que ganha força entre a população após a Lava Jato. Outro discurso que tende a crescer, diz ele, é o de Bolsonaro, que aparece com 14% de aprovação e 52% de rejeição.
"Ele sempre aparece nas pesquisas com muita rejeição e com altos índices de pessoas que não o conhecem. Mas seu discurso conservador, moralista e nacionalista preenche uma lacuna num momento em que o Brasil se tornou um país dividido. Mas isso ainda não significa que ele tem cacife para se eleger presidente, por exemplo", diz.

Lula em Campina Grande, Paraíba, em 19 de março de 2017Direito de imagemREUTERS
Image captionAumento de aprovação de Lula, segundo pesquisador, está relacionado com "campanha informal" de ex-presidente

Temer e Lula

Na nova edição do Barômetro Político, 62% dos entrevistados classificaram como ruim ou péssimo o governo do presidente Michel Temer, e apenas 6% disseram ser um governo ótimo ou bom. E em outra pergunta da pesquisa, 78% disseram não aprovar a maneira como Temer atua no país. Para Cersosimo, mesmo considerando o cenário de crise, o índice é "espantoso".
"Uma das explicações para isso é o fato de que ele não deu as respostas que o povo esperava após o impeachment para o desemprego e a inflação. E o cidadão, em geral, não entende que isso é um processo que leva tempo. De acordo com outras pesquisas, era isso que os brasileiros queriam ver resolvido em primeiro lugar", afirma.
"Em segundo lugar, há o fato de que o governo Temer é visto como 'mais do mesmo'. Ele é visto como esse político tradicional que o brasileiro tende a rechaçar daqui para a frente. E também há a questão das reformas. As pessoas não se sentem seguras sobre os temas que estão sendo discutidos, especialmente na reforma da Previdência. Há uma sensação de que o brasileiro está perdendo direitos."
A aprovação ao ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, por outro lado, vem crescendo nos últimos meses, de acordo com o levantamento. Em dezembro de 2016, Lula tinha a rejeição de 72% dos entrevistados, e a aprovação de 24% deles. Neste mês de março, a rejeição ao líder do PT caiu para 59% e sua aprovação subiu para 38%.
"É preciso lembrar que Lula já está em campanha informal e é uma figura política forte. A pergunta mais interessante para nós, enquanto pesquisadores, é: qual é o limite de Lula? Até quando ele consegue converter desaprovação em aprovação? Se ele conseguir mostrar que isso é possível, será forte candidato em 2018", avalia o diretor da Ipsos.

CANTOR JUSTIN BIEBER É NORTIFICADO POR CRIME PEL JUSTIÇA NO RIO

Justiça cita o cantor Justin Bieber por crime contra patrimônio em 2013, no Rio

Resultado de imagem para justin bieber no rio de janeiro 2017




O cantor canadense Justin Bieber, que está no Brasil para um série de apresentações musicais, foi citado ontem (29) por determinação do juiz da 34ª Vara Criminal da cidade do Rio de Janeiro, Rudi Baldi Loewenkron.
A ação foi proposta pelo Ministério Público do Rio depois que o artista pichou o muro do Hotel Nacional, em São Conrado, na zona sul da cidade, em 2013. 

Na época, o cantor também estava em turnê pelo país.
Justin Bieber fez ontem na Praça da Apoteose, no Rio de Janeiro, seu primeiro show de uma série de três que fará no país. 

O cantor canadense ainda se apresentará nos dias 1º de 2 de abril em São Paulo.




Resultado de imagem para Justiça cita o cantor Justin Bieber por crime contra patrimônio em 2013, no Rio

CAMARÁ DOS DEPUTADOS É FISCALIZADO PELA PF

PF deflagra Sururugate contra fraudes na folha de pagamento da Assembleia de AL

Duas viaturas da Polícia Federal estão na Assembleia Legislativa de Alagoas (Foto: Suely Melo/G1)
Ao todo, cerca de 80 pessoas, entre auditores da CGU e policiais federais participam da operação. Segundo a CGU, levantamentos apontaram que os pagamentos realizados pela Assembleia a indivíduos cadastrados em programas sociais do governo federal, incluindo o Bolsa Família, somente entre 2010 e 2013, ultrapassaram o montante de R$ 15 milhões.
A fiscalização identificou um conjunto de falhas na folha de pagamento da Casa que ia desde a subdeclaração de informações da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS); acumulação ilegal de cargos e empregos públicos; percepção de benefícios sociais, previdenciários e da reforma agrária em desacordo com a lei; e pagamentos a servidores após registro de óbito no Sistema de Controle de Óbitos (SISOB).
Os envolvidos no esquema podem responder pelos crimes de participação em organização criminosa, peculato e lavagem de dinheiro. O nome da operação faz referência ao sururu, um molusco típico do Nordeste usado em refeições.

CHAPA DILMA E TEMER SERA CASADA

Ministros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) já sinalizaram internamente que podem pedir vista doda chapa Dilma Rousseff/Michel Temer, ganhando tempo para analisar melhor os depoimentos e documentos.

TSE mira apuração sobre vazamento em endereços com atividade anormal

Retrato oficial do presidente Michel TemerFoto Oficial Presidenta Dilma Rousseff


A sindicância aberta pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para apurar o vazamento de depoimentos que delatores prestaram ao tribunal no processo de  Dilma Rousseff/Michel Temer já examinou endereços eletrônicos que tiveram acesso aos documentos. Fechou o foco nos que baixaram vários arquivos pouco tempo antes da divulgação.




ENCICLOPÉDIA
Um deles diz que passou o fim de semana lendo o relatório final do ministro Herman Benjamin, que tem 1.086 páginas. Conseguiu vencer apenas 300 páginas.
NOVA TURMA
Com isso, aumenta a probabilidade de um dos ministros atuais, Henrique Neves, que deixa a cadeira no dia 17, votar apenas nas preliminares, sendo substituído por alguém indicado por Temer.
CADA VEZ MAIS
O número de governadores que corre o risco de ser investigado por causa da delação da Odebrecht pode chegar a 13. A informação foi repassada a magistrados do STJ (Superior Tribunal de Justiça), a quem cabe autorizar a abertura de inquérito contra eles.
TÔ FORA
O ministro Mendonça Filho, do MEC (Ministério da Educação), afasta qualquer possibilidade de o governo passar a cobrar mensalidades nas universidades ou nos institutos federais. "Essa hipótese não é sequer viável e está totalmente fora de cogitação", afirma ele.
PENSANDO ALTO
A ideia voltou a circular depois que a própria secretária-executiva do MEC, Maria Helena Castro, defendeu a cobrança em audiência com representantes de professores de instituições federais. "Foi só uma reflexão geral sobre um debate histórico. Mas isso não foi sequer discutido no MEC, nem 'en passant'", diz Mendonça.
FEIJÃO COM ARROZ
E o ministro vai aos EUA discutir com o governo da Flórida a possibilidade de um acordo que permita a filhos de brasileiros que vivem lá (eles são hoje 300 mil) ter aulas de português.
(NÃO) ME SEGURA
Giovanna Antonelli, capa da nova edição da 'VIP', diz à revista que passou a tomar menos café, de tanta energia que tem; 'Malho para conseguir manter o pique', afirma a atriz e empresária sobre a rotina agitada
DIÁRIO DE UM DETENTO
Um homem que ficou três anos e dois meses preso ilegalmente foi liberado há alguns dias de um centro de detenção provisória em Osasco. A acusação, de tentativa de homicídio, ainda é objeto de inquérito policial e nem sequer existe um processo.
DIÁRIO 2
Segundo a Defensoria Pública de SP, que descobriu o caso durante mutirão de atendimento, o preso recebeu em 2014 o direito de responder em liberdade, mas o alvará de soltura nunca chegou a ser cumprido por causa de um erro burocrático.
DIÁRIO 3
O alvará de soltura nunca havia chegado à SAP (Secretaria da Administração Penitenciária), segundo a equipe da pasta. O preso foi liberado, diz nota da secretaria, no mesmo dia em que a ordem foi enviada para a unidade penal, em 17 de março.
PADRINHO
O filme que Gloria Pires está produzindo terá o diretor Daniel Filho como consultor artístico. Em "Enquanto Anoitece", que deve sair em 2018, a atriz vai interpretar uma policial. A produtora Formata e o sociólogo Luiz Eduardo Soares também estão no projeto. Ele escreve o roteiro do longa, que será dirigido por Pedro Peregrino.
TODAS POR UMA
Sete vereadoras do PSOL, PT, PSDB, DEM, PR e PSD assinaram uma carta aberta dizendo que "não tolerarão qualquer expressão de violência de gênero no espaço da Câmara Municipal de São Paulo". O documento foi proposto pela vereadora Isa Penna (PSOL), que acusa o colega Camilo Cristófaro (PSB) de tê-la xingado e ameaçado dentro da Câmara. O vereador nega a acusação.
LEVANTA A MÃO
O médico Drauzio Varella arrancou risadas da plateia ao comentar, num debate sobre drogas na Faap, que "metade do auditório estaria vazia" se todos os que algum dia já distribuíram pequenas quantidades de drogas para amigos fossem presos.
GUERRA AO TRÁFICO
A cientista política Ilona Szabó lançou o livro "Drogas: as histórias que não te contaram" com um debate sobre a descriminalização das drogas que reuniu na segunda (27) o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e o médico Drauzio Varella. O vereador Eduardo Suplicy (PT), a atriz Regina Braga e o diretor da Faap (Fundação Armando Alvares Penteado), Rubens Fernandes, estiveram na plateia da instituição, em Higienópolis. O diretor de redação da revista "Época", João Gabriel de Lima, mediou a discussão.

MICHEL TEMER RECEBE DINHEIRO EM CAMPANHA

Resultado de imagem para ex tesoureiro do pt
Ex-tesoureiro petista assinou recibo de doação a Temer
Resultado de imagem para ex tesoureiro do pt E TEMER

Estadão Conteúdo

Ao menos 11 recibos de doações eleitorais feitas ao então candidato a vice-presidente Michel Temer (PMDB), em 2014, foram assinados por Edinho Silva, ex-tesoureiro de campanha da presidente cassada Dilma Rousseff.
Os recibos, que totalizam R$ 7,5 milhões, fazem parte da prestação de contas da campanha entregue à Justiça Eleitoral a ajudam a embasar a tese dos advogados de defesa da petista na ação que pede a cassação da chapa Dilma-Temer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
A defesa de Temer argumenta que o atual presidente não pode ser punido por supostas ilegalidades cometidas pela campanha de Dilma, pois ele tinha uma conta específica para movimentar verbas relativas a doações e despesas eleitorais. É a tese da separação das contas da chapa defendida pelos advogados do peemedebista.
Já os advogados de Dilma usam os recibos assinados por Edinho, entre outros argumentos, para alegar que as contabilidades não podem ser separadas, já que a prestação de contas foi feita de forma única pelos dois integrantes da chapa.
O início do julgamento da ação movida pelo PSDB por suposto abuso do poder econômico e político nas eleições de 2014 está marcado para começar na próxima terça-feira, 4. O Ministério Público Eleitoral pediu a cassação de Temer e a inelegibilidade de Dilma. O PSDB, hoje aliado do governo, em suas alegações finais, isentou o presidente de responsabilidade.
Os 11 recibos aos quais o jornal O Estado de S. Paulo teve acesso mostram que, mesmo doações feitas diretamente a Temer, com valores depositados na conta aberta pelo PMDB para receber colaborações, eram justificadas à Justiça Eleitoral com recibos assinados por Edinho. Entre estes doadores estão a JBS (R$ 5 milhões), Amil (R$ 750 mil) e Klabin (R$ 150 mil). No total, Temer arrecadou R$19,8 milhões em 2014.
O advogado de Temer na ação do TSE, Gustavo Guedes, disse que o fato de os recibos terem a assinatura de Edinho não prejudica “em um milímetro” a tese de separação das contas da campanha de 2014.
“Isso não muda absolutamente nada, pois só o Edinho podia assinar recibos. De acordo com a legislação, apenas o titular da chapa tem recibo. Tanto que as contas foram apresentadas em conjunto”, disse ele. “O que importa, e temos como provar, é que Temer não arrecadava para Dilma e Dilma não arrecadava para Temer”, afirmou.
‘Indivisível’
Já o advogado de Dilma, Flávio Caetano, afirmou que os recibos são, sim, mais um elemento que embasa a tese da indivisibilidade das contas. “Eles mostram que é uma coisa só. Não há a menor possibilidade de divisibilidade, uma vez que a prestação de contas era única e toda doação para Temer teve de ser referendada pelo Edinho”, disse ele.
Os advogados de Dilma argumentam ainda, nas alegações finais ao TSE, que R$ 16 milhões, dos R$ 19,8 milhões arrecadados por Temer, foram repassados a outros candidatos do PMDB, indicando que conta aberta na campanha era uma “conta de passagem” e que várias despesas do candidato a vice foram pagas pelo PT. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

MULHERES ESTÃO USANDO FOLHAS DE REPOLHOS

Entenda porque as mulheres estão colocando folhas de repolho nos seios


nfelizmente, o repolho tem uma péssima reputação por favorecer a formação gases intestinais em muitas pessoas. Mas é importante saber que este vegetal é muito mais do que um ingrediente de salada.  Hoje em dia, graças aos bioflavonoides, aos indóis, à genisteína e a outras substâncias químicas presentes na sua composição, o repolho se tornou indispensável em muitas casas e muita gente já se ligou nos seus benefícios.
Um estudo realizado por cientistas chineses e publicado no Asian Pacific Journal of Cancer Prevention, encontrou propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias no repolho, sugerindo que o vegetal pode ser utilizado na prevenção de doenças crônicas associadas ao estresse oxidativo, como o câncer e doenças na artéria coronária. Outro estudo publicado no periódico Molecules, comprovou a presença de compostos fenólicos em diversas variações de repolho e comprovaram que esse vegetal de fato funciona como preventivo de câncer e cardiopatias.
Mas o que você provavelmente não sabe é que o repolho também pode ser usado para tratar lesões, funcionando como um anti-inflamatório tópico. Aliás, esse vegetal já tem sido usado há séculos para tratar inchaço e hematomas da pele e de fato, com a evolução da tecnologia medicinal, sua utilização tem andado esquecida ultimamente. No início do século passado o repolho era altamente recomendado para ser usado como compressas, simplesmente utilizando suas folhas limpas e secas sobre a área afetada por uma artrite, por exemplo. Recomendado para dores musculares, para promover a circulação do sangue depois de uma pancada, para curar um processo inflamatório e até mesmo para apressar a recuperação da pele quando arranhada.
Ressuscitando as técnicas dos curandeiros, muitos neurologistas têm recomendado folhas de repolho frias sobre a cabeça durante crises de enxaqueca. A compressa natural de repolho também alivia o inchaço das pernas somente enrolando a folha no local e prendendo com uma atadura. É aconselhável, inclusive, dormir com essa compressa.

Mas por que as mulheres estão colocando nos seios?

Diante das propriedades citadas acima, muitas mulheres resolveram seguir recomendação das pessoas mais antigas. As folhas de repolho parecem ser tão eficazes quanto o gelo durante a amamentação. Devido a sucção do bebê ou pelo congestionamento do leite, aplicar folhas de repolho nos seios vai ajudar a aliviar a dor e reduzir o inchaço. Além disso, durante a TPM quando os seios ficam inchados, colocar uma folha de repolho em cada seio prendendo com o sutiã, poderá resultar em um alívio impressionante no desconforto. Outra indicação serve para mulheres que têm as mamas muito grandes e pesadas e que, geralmente, no final do dia, sentem bastante desconfortáveis.
Funciona assim: Pegue duas folhas bem frescas de repolho, coloque nos seios e deixe-os lá para que assim possam agir desinflamando e diminuindo os inchaços, com isso a dor sumirá
Mas atenção! Alergias a repolho são muitos raras. Mesmo assim, se durante o uso sentir qualquer  incomodo (vermelhidão, coceira, formigamento) remova as folhas imediatamente.
Fontes: livestrong / healthy-holistic-living/ walkjogrun/ whfoods
Artigos: Cartea M E et. al / Rokayya, Sami et. al
Imagens: Reprodução/glowpink / checkingthehealth

Morre José Clarindo ( Zeza)

Morre nesta manhã em São Roberto Jose Clarindo da Silva,por volta das 10;00 Deixa 13 filhos 8 mulheres e 5 homens e esposa e 27 netos e 1...